anuncio

anuncio

anuncio

anuncio

anuncio

anuncio
MATÉRIAS
De virada, Islândia faz história e elimina a Inglaterra da Eurocopa; Itália também se classifica ao vencer a Espanha

28/06/2016 - 08hs00 | Futebol

Eurocopa

Nos dois jogos do dia, três campeões mundiais entrariam em campo. No principal jogo das oitavas, o sonho do tri da Espanha ficou pelo caminho diante da eficiência da Itália. Mas uma zebra marcou o dia, e quem poderia imaginar que um país tão modesto (de 330 mil habitantes e apenas 100 jogadores profissionais) e pequeno como a Islândia causaria um vexame histórico aos inventores do futebol? Acredite: não foi só porque Mick Jagger estava lá torcendo pelos ingleses.


Itália x Espanha


Melhor no primeiro tempo e bem pouco ameaçada, a Itália levou perigo ao goleiro De Gea quatro vezes e o venceu aos 32 minutos, quando Chiellini aproveitou um rebote e anotou o primeiro gol italiano. Para a Espanha, apenas um chute de Iniesta. Buffon pouco trabalhou e o domínio italiano foi imenso. No segundo tempo a Espanha melhorou e a Itália ofereceu menos perigo. Os tetra campeões foram pressionados, mas a defesa segurou os ataques da Espanha. Pellè, nos acréscimos, fez o segundo para a Itália e encerrou as chances da Espanha chegar ao terceiro título da Eurocopa. Itália 2 x 0 Espanha.


Inglaterra x Islândia


Antes dos cinco minutos de jogo, Rooney fez o primeiro gol da Inglaterra de pênalti. Tudo parecia normal: uma grande seleção derrotando uma azarã. Aos cinco minutos, os azarões empataram com Sigurdsson. Sigthórsson virou aos 17 minutos e a Islândia virou a dona do jogo. A Inglaterra ficou mais com a bola e tentou muito mais que os adversários, mas não foi nenhum pouco eficiente. Cenário parecido aconteceu no segundo tempo. E a Islândia teve a audácia de quase chegar ao terceiro gol com uma bicicleta de Sigurdsson. Ao fim do jogo, a audácia tinha se tornado história. A Inglaterra estava eliminada pela Islândia. A torcida comemorava com uma coreografia nas arquibancadas, acompanhados pelos jogadores extasiados com o feito. Os ingleses estavam no chão, perplexos com o vexame, ao qual nem o técnico resistiu: Roy Hodgson se demitiu. Inglaterra 1 x 2 Islândia.

Giro do Esporte - 2016        Home | Matérias | Campinas | Agenda | Brasileirão | Resultados | Memória | Contato        Proprietária: Érica Tito / Web Designer: Rafael da Silva Polato